Subscribe Now
Trending News
Artigos, Jogos

Night of the Dead (PC) – Antevisão

Para que conste o jogo analisado encontra-se atualmente em fase Beta, portanto o que ser aqui relatado pode não fazer parte da versão final.

Com o enorme aglomerado de jogos de sobrevivência que tem vindo a aparecer na Indústria devido à sua enorme comunidade. Night of the Dead entra nessa lista, um jogo ainda em desenvolvimento por uma pequena equipa que traz ideias para mesa (mas nada que revolucione o género). Começamos por ser colocados numa localização rural, onde nos ensinam as mecânicas do jogo através de pequenos tutoriais. Este título tem como conceito sobreviver a uma horda de zombies que a cada 24 horas que passem seremos perseguidos, portanto temos que defender-nos antes que tal aconteça.

Zombies por todo o lado

Este trata-se de um jogo na terceira pessoa, onde temos à disposição diversos recursos que vamos coletando de diversas localizações com o objetivo de resistirmos ao apocalipse. Temos a oportunidade de construir a nossa pequena habitação que será a nossa “fortaleza” para a proteção de ataques (e não só de zombies). O mapa vai-se desenvolvendo aleatoriamente fazendo cada nova partida ser diferente, também contamos com a coletânea de diversas páginas do que aparenta ser um diário que e é a única forma de narrativa presente no jogo. Este projeto tem à disposição um modo multijogador, o qual não pude experimentar, então infelizmente é impossível contar como é a experiência na companhia de um amigo.Perante a situação que se encontra este projeto, digo que vai num bom caminho e que parece promissor.

Necessita de algumas melhorias

Contudo, o mesmo preciso de adições e de diversas afinações pois ainda se encontra com vários bugs e outros problemas na sua gameplay. A introdução é bastante confusa para quem não está a par deste género, pois apesar de existir um tutorial o mesmo foca-se em explicar a parte mais complexa no jogo. Usar as ferramentas para coletar materiais pode tornar-se bastante monótono ao não termos conhecimento do tempo que irá levar a adquirir os recursos. Quando morrermos os nosso itens são nos retirados e deixados no local onde parecemos, no entanto ao revivermos no lado direito do nosso ecrã temos uma lista enorme de todos os objetos perdidos. O que considero desnecessário sendo que tenho consciência de que todos os objetos que coletei anteriormente, já não se encontram na minha posse. Também é tedioso estarmos a coletar novos recursos, e a lista de objetos perdidos e dos coletados atualmente, ficarem misturados. O funcionamento da barra de energia/stamina foi algo que não fiquei fã pois a mesma gasta-se ao corrermos e quando está perto do limite não está presente um som ofegante vindo da personagem ou movimentos oscilantes da câmara. Com os constantes momentos de pressão quando alguém me persegue, muito dificilmente olharei para o canto superior esquerdo para saber como está o nível de stamina.

Continuem o bom trabalho

Com os pontos referidos e os constantes bugs (o que é normal para um jogo em desenvolvimento), este ainda tem que ser aprimorado se quiser ter sucesso, mas é incrível o que até agora esta pequena equipa fez. O jogo tem previsão para sair no próximo ano, desejo boa sorte ao desenvolvimento deste projeto.

Related posts