Subscribe Now
Trending News
Análises, Jogos

Astro’s Playroom (PS5) – Análise

A nova Playstation 5 vem acompanhada com novas gimmicks e traz também consigo diversas novidades na maneira de jogar, garantindo assim uma melhor imersão nos jogos. Um exemplo disso é a implementação do “haptic feedback”, gatilhos adaptativos e um microfone embutido no próprio Dualsense. No entanto, não existe melhor forma de experimentar toda esta maravilhosa tecnologia ao máximo sem ser com uma Tech Demo, como estamos a acostumados a ser presenteados, para experienciar toda esta nova tecnologia. Porém, desta vez a Sony resolveu oferecer-nos com uma tech demo bastante peculiar, que vem incluída em todos os sistemas PS5, para nos mostrar o que o DualSense consegue fazer. Essa “tech demo” tem o nome de Astro’s Playroom, que nos coloca no controlo de um pequeno robô de seu nome Astro Bot, numa aventura no interior da PlayStation 5.

A nova mascote da PlayStation está de volta

A “nova mascote” da PlayStation está de volta e não é a primeira vez que este personagem faz uma aparição, sendo que o mesmo teve direito ao seu primeiro jogo na Playstation 4, mais especificamente no PS VR. Esta experiência na realidade virtual foi aclamada por muitos, tornando-se um dos melhores jogos de plataformas dessa geração. Devido a esse fator, era de esperar que esta não seria a última vez que veríamos o personagem. Graças ao seu sucesso, no primeiro evento da PS5, fomos surpreendidos com um jogo que estaria incluído com a consola e este seria Astro’s Playroom. Porém, antes da nossa aventura pelo novo sistema da Sony, existe uma pequena introdução, para mostrar as diversas novidades presentes no comando. E, é a partir desse momento que nos apercebemos que está nas nossas mãos um pedaço de tecnologia que poderá revolucionar a maneira como jogamos. Após a demonstração, o personagem é transportado para um pequeno Hub e nesse local notamos que ao caminhar por diversas superfícies faz com que o comando também vibre adequadamente a elas. Nesta experiência encontramos 4 mundos para explorar e cada um relacionado com os componentes da Playstation 5.

Uma viagem nostálgica para os fãs de videojogos

Preparem-se para uma viagem pelo tempo, onde (re)encontrarão diversos momentos de pura nostalgia e para quem já está familiarizado com os sistemas da Sony há vários anos, será difícil não se emocionarem (acreditem, falo por experiência própria).
Nesta aventura o objetivo é explorar estes mundos e encontrar diversas relíquias pelo caminho, para completar o laboratório com as mesmas. Nos múltiplos níveis é possível encontrar diversos robôs a fazer cosplay de diversas personagens de jogos, sendo eles exclusivos da PlayStation ou não (normalmente encontram-se à frente de um robô a segurar numa câmara). Se o Astro Bot: Rescue Mission foi aclamado pelo o level design, então neste jogo percebe-se do porquê, pois todos os níveis são bastante criativos, ao usarem o hardware da PlayStation para complementar os diversos mundos.
O que contribui para que esta experiência se torne única é o Dualsense, pois quando ambos se combinam trazem momentos inesquecíveis. Sentimos isso, por exemplo ao lançar uma flecha e sentir a pressão que o trigger está a fazer, ao controlar um macaco e os triggers vão-se adaptando em momentos específicos, os haptics que conseguem fazer sentir diversos os relevos, o vento e até quando o Astro Bot é eletrificado, entre outros.
Toda esta experiência é acompanhada por uma boa banda sonora, com temas diversificados (que podem ficar na vossa cabeça durante um longo período de tempo). Porém o que me surpreendeu foi o inesperado final, que para quem está a par da história da Playstation vai ficar espantado (eu próprio fiquei). Mas, não ficamos por aqui, apesar da curta aventura que seja o Astro’s Playroom, este ainda tem um modo contrarrelógio com pequenos níveis criados baseados nos mundos apresentados, o que é bastante viciante, especialmente se tiverem amigos com esta consola, pois há um despertar do competitivismo que há em nós.

Nada a apontar

Considerando que este é um jogo gratuito, que vem pré-instalado na PlayStation 5, não consigo identificar nenhum problema relevante associado ao mesmo. Posso apenas indicar que este é bastante pequeno, mas que traz bastante repetibilidade.

A Playstation 5 faz uma entrada em grande

Desde o design dos níveis, à música (que fica no ouvido). Astro’s Playroom será relembrado como uma enorme celebração dos videojogos, tanto que caso este tivesse um custo associado, provavelmente o iria adquirir, para o poder usufruir desta aventura. Por isso se tiverem uma PS5 ou estão a ponderar jogar, este é título obrigatório.

* sendo esta uma “tech demo”, considerei não colocar uma lista de prós e contras

9.0
Score

Related posts